CORRUPÇÃO: PREFEITOS DE PORTO FRANCO E CAROLINA SÃO ALVOS DO MP POR IRREGULARIDADES CONJUNTAS

julho 27, 2017 0
O Ministério Público do Maranhão por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Porto Franco oficia e recomenda ao prefeito Nelson Horácio Macedo Fonseca (PSD) que faça a opção entre ser médico contratado em Carolina (apesar de não se confirmar seu local de trabalho no município) e ser prefeito em Porto Franco – cargos remunerados e confirmados pelo Termo de Declaração de Nelson Horácio à promotoria de Porto Franco.





De acordo com documento que o Blog de Flávio Aires teve acesso, o prefeito de Porto Franco, deverá no prazo de 10 dias encaminhar sua opção ao MP.
A Promotoria de Justiça de Carolina estar investigando o caso a fim de descobrir o local onde Nelson Horácio atende pacientes. Funcionários da Saúde em Carolina informam não conhecer ou saber se Nelson Horácio atende na cidade. Caso a irregularidade seja comprovada, o <P de pedir o ressarcimento do dinheiro público gasto com essa contratação fantasma que mais parece um jogo cruzado onde amigos médicos se beneficiam com o dinheiro público.
O sistema de informações do Ministério da Saúde, onde encontra-se os estabelecimentos de saúde do municípios, também não fora encontrado referência de Nelson Horácio cadastrado como médico em nenhuma das Unidades de Saúde do município de Carolina.
O que já se tem comprovado é o que levou ao procedimento tomado pelo Ministério Público do Maranhão contra o prefeito de Porto Franco e que, por consequência, o MP deverá também acionar judicialmente o prefeito de Carolina Erivelton Neves, alvo constante de investigação e processos em sua gestão.


0 Comentarios " CORRUPÇÃO: PREFEITOS DE PORTO FRANCO E CAROLINA SÃO ALVOS DO MP POR IRREGULARIDADES CONJUNTAS"