Professor de 62 anos é agredido a socos dentro de sala de aula por aluno

fevereiro 24, 2019 0
Na última sexta-feira (22), um professor de 62 anos foi agredido por um aluno dentro da sala de aula em uma escola estadual de Lins (SP). O educador ficou com o rosto todo ensanguentado após o aluno o agredir com socos e arremessar um caderno contra ele.

O professor de geografia e história contou que o aluno de 14 anos, de outra turma, tentou entrar na sala de aula para conversar com uma menina.

Diante da negativa do professor, que desenvolvia uma atividade, o menor teria forçado a entrada, e foi novamente impedido. Segundo o boletim de ocorrência, o menino jogou um caderno no professor e o agrediu com vários socos.

À polícia, o estudante contou que foi até a sala pra conversar com uma prima dele. O menor disse também que o professor teria negado e o pegou pelo braço para colocar fora da sala. Entretanto, o menor confirmou que jogou o caderno e deu um soco no professor.

O educador foi levado à Santa Casa de Lins e recebeu oito pontos nos cortes, sendo seis no rosto e dois no supercílio. O Conselho Tutelar e a mãe do menino foram chamados para comparecer à delegacia.

Após 20 anos de magistério, o professor Paulo Rafael Procópio, de 62 anos, anunciou que pretende abandonar a profissão. Há três anos trabalhando na escola estadual Otacílio Sant’anna, no Parque Alto de Fátima, explicou que já tem tempo para se aposentar, mas admitia seguir trabalhando após obter o benefício.

0 Comentarios "Professor de 62 anos é agredido a socos dentro de sala de aula por aluno"