Ultimas

terça-feira, 14 de janeiro de 2020

Jovem é estuprado no Socorrão de Bacabal e autoridades abafam o caso


Na semana que se encerrou, um episódio absurdo de estupro foi praticado no Pronto-Socorro Municipal de Bacabal. Mais absurda ainda é a conduta das autoridades da Saúde de Bacabal.


O leitor desta matéria pode estranhar a falta de alguns detalhes, mas entenderá o porquê no final da postagem. Na quinta-feira (9), um jovem do povoado Aldeia do Odino deu entrada no Pronto-Socorro. O mesmo ficou sob os cuidados de um técnico de enfermagem do referido socorrão de Bacabal.



Há relatos de funcionários do Socorrão e de pacientes que estavam no momento que o jovem teria sido dopado e sofreu abusos do citado técnico de enfermagem. Ao ser descoberto nas práticas de abuso contra o paciente, o funcionário cessou mas permaneceu durante toda a madrugada desenvolvendo suas atividades como se nada tivesse acontecido.



Abafando o caso



Na manhã seguinte entrou em ação a Diretora do referido hospital juntamente com o Superintendente de Atenção à Saúde, Luciano Martins, que também é técnico de enfermagem mas chegou na cidade com o status de médico e pela proximidade com a cúpula do poder, assumiu um dos mais altos postos na secretaria de Saúde.



A missão de Luciano Martins foi cumprida da seguinte forma: ele foi ao Socorrão, reuniu todos os servidores e deu uma ordem para que nada do que acontecera na noite anterior fosse sequer comentado entre os próprios servidores.
Outra providência foi garantir que o autor do estupro saísse da cidade. Luis Carlos foi embarcado para uma viagem com determinação para não retornar até que o caso seja esquecido.



O caso vazou



Muitos funcionário do Socorrão ficaram penalizados com o que aconteceu e terminaram por contar para outras pessoas sobre o estupro. A noticia tomou conta das redes sociais e comentários nos grupos de WhatsApp.



A Secretaria de Saúde de Bacabal não registrou o caso na delegacia e age como se nada tivesse acontecido. Nem sequer uma nota foi divulgada para esclarecer o caso.



Rumores tenebrosos



Neste domingo mais um elemento foi acrescentado a essa história macabra. Surgiram informações de que o autor do estupro seria soropositivo, ou seja, portador do vírus da Aids.



Como eu disse no início da matéria, não oferecemos todos os detalhes porque foi decretado sigilo no caso dentro do Socorrão e não tivemos acesso ao prontuário do paciente.

Postar um comentário

 
Copyright © 2019 PORTAL DO MARANHAO
Traduzido Por: Luzimar Rodrigues