Ultimas

sexta-feira, 15 de maio de 2020

"Mentirosos compulsivos esse casal que desgoverna Chapadinha" diz ex-deputado Levi Pontes sobre o Prefeito Magno e a primeira dama Danubia.

O ex-deputado deputado Levi Pontes, que já foi aliado da atual gestão de Chapadinha, comandada pelo casal "Magnubia", - apelido dado ao peefeito Magno Bacelar e a primeira dama Danubia Carneiro-, fez uma postagem em sua pagina do Facebook onde chama os ex aliados de Mentirosos compulsivos.

Veja na íntegra o texto postado pelo ex-deputado:

“Mentirosos compulsivos”

Cansei de ouvi calúnias, difamações, injúrias e ódio do casal que desgoverna o município de chapadinha, tentando denegrir minha imagem de médico já conhecido e comprovado pela sociedade há mais de 42 anos, cujo objetivo é tirar o foco de sua equivocada, incompetente e desleixada administração sem qualquer compromisso com o povo, preocupados apenas e tão somente em manipular dados, ludibriar, mentir compulsivamente e enganar o povo em ano de eleição. Esclareço.

Primeira mentira - não sou suicida e nunca pedi ou me ofereci ou quis ser novamente secretário deste ou de qualquer outro prefeito, principalmente de quem já conheço e sei do que são capazes , retirando toda e qualquer autonomia administrativa e financeira do gestor pra eles, todos são descartáveis, nem tão pouco fui oficialmente convidado para assumir diretoria de upa que não existia e nem de complexo hospitalar, apenas final de novembro a ex secretaria de saúde me ofereceu um plantão na maternidade em substituição a um colega que seria demitido , o que de prontidão não aceitei, o resto é pura mentira.

Segunda mentira -não fechei hospital (hcc) foi o poder público municipal que não mostrou interesse em permanecer com o contrato de arrendamento , ora vigente há 10 anos , decisão a ser acatada . Mais outra mentira deslavada me acusar de colaborar com o fechamento da upa que funcionava com alta aprovação da comunidade, para justificar o descaso com a upa que não foi reaberta, apenas e tão somente jogaram o serviço de urgência e emergência do Hapa, inclusive com recursos humanos e financeiros para o antigo prédio e devolvendo o prédio da cemed (foi ou não fechado) por simples economia, apesar dos recursos de transferência federal , contra partidas do município (EC29) , fundo a fundo e emendas parlamentares. Isso tudo levou a maternidade para um lugar insalubre , sem dignidade um apertadinho , e setor  de urgência e emergência para um prédio construído e arquitetado para receber uma upa, daí o rápido sucateamento lá encontrado por todos e pela sociedade . Só agora devido a extrema gravidade da pandemia e com recursos extras vindos do governo federal, resolveram corrigir os erros anteriores na mistura de upa e urgência e emergência , serviços importantes e distintos com objetivos definidos em leis . 

Terceira mentira -jamais me recusei a atender pacientes com covid 19 , mesmo sem vínculo com o município, estado ou governo federal,  seja no âmbito particular e gratuito inclusive no próprio prédio da antiga upa, colocando inclusive minha vida e de minha família em jogo , por tratar-se de médico e do grupo de risco o que realmente aconteceu , mas Deus é grande e sabe do meu compromisso com a medicina de meu sacerdócio e dedicação há mais de 42 anos e , pergunto ? por onde andava o casal “de férias na fazenda” enquanto chapadinha ultrapassa 300 seres humanos com o covid 19 .qual a moral que esse casal tem para me fazer críticas ! Porquê estou incomodando tanto ? O povo e o tempo senhor da razão irá responder . Deus nos proteja. 

Postar um comentário

 
Copyright © 2019 PORTAL DO MARANHAO
Criado Por: Luzimar Rodrigues