Ultimas

terça-feira, 29 de dezembro de 2020

Após pífia votação, “Jornalista” Bruno Florentino se revolta e ataca adversários em Estreito.


Revoltado com ínfimo resultado de sua votação nas eleições de 2020, em que teve apenas 62 votos (0,36% dos votos válidos), o ex-candidato a prefeito Bruno Florentino tenta a todo custo através de seu portal virtual colocar “piolho em cabeça de cobra”.

Bruno Florentino se lançou candidato a prefeito de Estreito pelo Partido Social Cristão (PSC) nas últimas eleições com a ideia fixa de uma vitória esmagadora sobre os demais candidatos. No entanto, seu resultado foi tão vergonhoso que até os eleitores do candidato a vereador, o Motoqueiro Fantasma, que obteve 275 votos, pelo visto não votaram no seu candidato a prefeito, sendo ambos do mesmo partido.

A pergunta é: qual o respaldo político que o cidadão Bruno Florentino tem pra traçar uma análise sobre o cenário pós-eleições?

Quanto aos comentários maldosos em que chama de “futuro de incertezas”, o então intitulado “jornalista”, se esqueceu de frisar que o prefeito eleito não tem obrigação de anunciar formação de equipe de governo antes de tomar posse, até porque antes do dia 01 de janeiro, nenhum prefeito eleito tem poderes legais pra nomear quaisquer cargos. Salvo a indicação de sua equipe de transição.

Outro ponto que passou despercebido pelo dito “jornalista” é quanto a projetos. Ora, quando um candidato se lança em uma eleição, ele registra no CANDEX seu plano de governo e coloca para apreciação da população, obviamente o que será executado durante o mandato.

Não seria conveniente apresentar um plano de governo nas eleições e após eleito mostrar outro, nem tampouco ficar falando das mesmas propostas, uma vez que foram aprovadas pela população. O clima de expectativa, existe em toda mudança de governo, o que é perfeitamente normal. Pelo visto, o “jornalista” Bruno Florentino, tem muito mesmo a aprender sobre gestão pública.

Mas como diz o ditado, “ele é novo, um dia aprende

Postar um comentário

 
Copyright © 2019 PORTAL DO MARANHAO