Ultimas

quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

Prefeito Léo Cunha recebe prefeitura de Estreito negativada pelo ex-gestor Cícero Neco.


Os desafios de governar a cidade de Estreito estão bem além do que qualquer pessoa possa imaginar. É óbvio que nada é fácil, mas o que se descobre a cada dia que se passa, é que a cidade realmente precisava com urgência de um recomeço.

Ao contrário do que o ex-prefeito Cícero Neco (Cicin)pregava, a prefeitura foi recebida negativada pelo atual prefeito, Léo Cunha.


O ex-prefeito Cicin, deixou de pagar as contas da prefeitura nos últimos 03 meses. Isso mesmo! Nos últimos 90 dias.


Após levantamento feito na receita Federal, mais precisamente na receita previdenciária, foi detectado que ficaram as seguintes pendências de quitação: Novembro de 2020, que venceu em 18 de dezembro de 2020, no valor de R$ 816.800,04, o décimo terceiro salário também com vencimento no dia 18 no valor de R$ 690.186,10 e Dezembro de 2020 na ordem de R$ 998.983,31.

A soma de tudo isso, gera um total de R$ 2.505.969,45.


Hoje, o município de Estreito encontra-se com a certidão negativa de débitos junto à receita previdenciária pendente de quitação, vencida, e um dos fatores primordiais, para a renovação da mesma é a realização da quitação desses compromissos acima mencionados.


O município se encontra negativado também, junto ao CALC - Serviço Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias.


É necessário quitar mais essa pendência, para que o município possa receber transferências voluntárias, tanto do governo federal, quanto estadual.


Ao deixar de pagar e omitir esses débitos, afirmando que estava tudo em dias, o ex-gestor prejudicou muito o município de Estreito.


Conseqüências:


Primeiro, o município está impedido de renovar a Certidão Negativa de Débito, e só tem a liberação diante de uma negociação ou quitação imediata. Segundo, pelo fato de está também negativado junto ao CALC, fica impedido de qualquer recebimento de transferências voluntárias (governo federal e Estadual).

Um comentário:

 
Copyright © 2019 PORTAL DO MARANHAO
Criado Por: Luzimar Rodrigues